Home / NOTÍCIAS ACSPE / Albérisson Carlos elogia trabalho da PM e BM no Galo da Madrugada e critica Governo por não falar a verdade.

Albérisson Carlos elogia trabalho da PM e BM no Galo da Madrugada e critica Governo por não falar a verdade.

Recife 10 02 1018 Galo da Madrugada 2018 – Foto Daniel Tavares PCR

O Presidente da Associação Pernambucana dos Cabos e Soldados – ACS/PE, Albérisson Carlos, criticou nesta terça-feira (13), a postura do Governo de Pernambuco por utilizar-se de informação enganosa para ludibriar a sociedade.

Em publicações recentes pela imprensa e mídias sociais, Governo de Pernambuco diz que o bloco “Galo da Madrugada 2018” foi o mais tranquilo dos últimos anos, entretanto o Estado de Pernambuco esqueceu de citar que a quantidade de pessoas que participaram do maior bloco do mundo também foi bem menor em relação aos últimos anos: reflexo do aumento da violência, que incrivelmente bateu o recorde com mais de cinco mil mortes em 2017.

“O cidadão Pernambucano já não aguenta mais esse clima de insegurança que tomou conta de nosso Estado. Estivemos no Galo da Madrugada com Associação (dando suporte aos policiais e Bombeiros Militares) e pudemos confirmar a baixa presença de público, o que facilitou o trabalho dos PMs e BMs envolvidos no espetáculo”, ressaltou Albérisson Carlos.

“Devemos reconhecer também que as pessoas foram ao Galo com espírito de paz, o que ajudou o trabalho dos Policiais e Bombeiros que bravamente dão o melhor de si para atender a população”, Complementou Albérisson.

Portanto, podemos concluir que se houvesse um público maior (como em anos passados) e a PM/BM mantendo o mesmo empenho, ainda sim, seria natural que a criminalidade aumentasse e os indicadores consequentemente seriam outros.

Sobre Redator ACS

Este artigo foi produzido por um dos redatores especialista da base da ACS-PE. Fique ligado, quase todos os dias temos conteúdo novo.

Veja Também

CABO VALMIR É SEPULTADO SOB FORTE COMOÇÃO NO RECIFE

Centenas de pessoas compareceram, nesta segunda-feira (29), ao Cemitério de Santo Amaro, no Recife, para ...